Buscar
  • Mulheres Cannábicas

Clitóris e Cookies

1 de setembro de 2018, Emily Bandeira


Cá estávamos pensando em como mais brincar com os diferentes tipos de sexualidade e seus envolvimentos com a ganja. Daí começamos a pensar quais seriam as variedades de maconha mais interessantes para se proporcionar um bom momento ~solo~ .



Para decidir qual planta seria melhor para que tipo de atividade, podemos usar vários critérios, pensando, normalmente, nas combinações entre terpenos e cannabinoides, que é o que dá a cada planta seu aroma e lombra específicos. Então, a planta ideal ~vareia~ com o tipo de masturbação que você tá querendo; mais fantasiosa? Mais quietinha? Tipo antes de dormir ou tipo vou passar as próximas horas aqui? hehe, enfim, possibilidades infinitas, vale lembrar.

E assim, brinquemos um pouco de aromaterapia, cannabinoideterapia e let's go!

Para começar os estudos sirirísticos, acabamos escolhendo uma variedade chamada Girl Scout Cookies depois de ler o relato de uma moça que gosta da variedade para ler literatura erótica e bater una. Ela fala que fica fácil de seguir o fluxo mental da fantasia e se excitar (mas sem necessariamente manter um foco).

O Girl Scout Cookies (GSC) é uma variedade interessante de flor porque estimula ao mesmo tempo que tranquiliza. Normalmente consegue provocar um agito no fluxo mental seguido de um relaxamento corporal. Então parece ideal para o tipo de masturbação fantasiosa preguicenta sem derreter (só se quiser rs) <3

Nessa pegada também pode ser que seja uma boa variedade para preliminares, né? Mas não necessariamente para um sexo super ativo...enfim, testemos!

O GSC tem aromas doces e terrosos, híbrido de mistura de áfrica do sul (durban poison) com mistério de praia (og kush). E seus terpenos principais são linalol, pineno, limoneno, mirceno e cariofileno.

#sexoterpenosmasturbaçãosetocasexuali #sexualidade #mulheres #lubrificante #clitóris

0 visualização

Mulheres Cannábicas do Brasil – 2020